Implante dentário com perda óssea é possível? Venha descobrir!

3 minutos para ler

O tecido ósseo é uma das principais estruturas da cavidade bucal. É um dos tecidos de sustentação dos dentes, que fixa a raiz, mantendo-o na boca. A maioria dos pacientes que possuem perda óssea são idosos, pois apresentam um desgaste fisiológico normal de ocorrer com o tempo.

Porém, existem pacientes que apresentam excesso de perda óssea, como ocorre com aqueles que possuem doença periodontal (periodontite). Porém, será que, neles, seria possível realizar a instalação de implante dentário com perda óssea? Continue a leitura deste texto e descubra mitos e verdades sobre o assunto!

O que acontece com os pacientes que não possuem tecido ósseo?

Os pacientes sempre terão algum remanescente ósseo. Porém, nem sempre ele será suficiente para suportar a instalação de um implante e as futuras forças que serão exercidas sobre ele — originadas de movimentos mastigatórios, durante a fala, apertamento e afins. 

A perda de dentes, juntamente com a perda óssea, pode trazer um incomodo estético devido à perda de suporte dos lábios e bochechas. Isso pode causar envelhecimento precoce do rosto, além de afetar diretamente a autoestima do paciente. 

É possível realizar um implante dentário quando ocorre a perda óssea?

Para que um implante dentário tenha sucesso, é preciso que todos os passos sejam realizados corretamente — desde a indicação do tipo de implante até a cirurgia e consequente osseointegração (processo que envolve a cicatrização do implante no tecido ósseo).

Caso o paciente seja diagnosticado com quantidade óssea insuficiente para receber o implante, existem outros meios para solucionar esse problema. 

Para pessoas com pouca perda de tecido ósseo, existem implantes menores, curtos e estreitos. Já para aqueles com perdas ósseas extensas, há os procedimentos de recuperação do tecido, que são chamados de enxertos ósseos.

O enxerto ósseo é um tratamento mais longo, que requer mais cuidados. Porém, apresenta resultados excelentes. 

Existem outras opções de tratamento?

Recentemente, pesquisadores da Faculdade de Odontologia da Universidade de Michigan descobriram um medicamento capaz de regenerar o osso. O nome do medicamento é Teriparatida, e ele atual na via anabólica promovendo o crescimento ósseo.

O medicamento ainda está em fase de estudos, mas é uma ótima notícia e uma nova fonte de esperança para quem sofre com perda óssea. 

Qualquer profissional pode realizar um implante dentário quando há perda óssea?

Pacientes com perda óssea precisam de mais cuidados no momento da indicação do tipo de enxerto a ser realizado, no procedimento cirúrgico, no pós-operatório e no acompanhamento do caso a longo prazo. Dessa forma, o profissional capacitado a realizar a instalação de implantes dentários é o implantodontista, e somente ele poderá concluir o seu diagnóstico. 

Portanto, no momento de escolher o seu implantodontista, o melhor a fazer é priorizar as clínicas especializadas, que possuem profissionais altamente qualificados e equipamentos de qualidade para realizar, de forma segura, o implante dentário com perda óssea. 

Se você apresenta perda óssea e, mesmo assim, gostaria de colocar um implante, nós podemos ajudá-lo. Aproveite a sua visita e confira o nosso artigo exclusivo sobre como escolher a melhor clínica de implante dentário!

Você também pode gostar

Deixe uma resposta

-